segunda-feira, abril 05, 2010

Hoje vou dar uma esmiuçada no "Congratulations" - álbum novo do MGMT com lançamento oficial para 13 de abril (próxima terça-feira). A banda (ou duo) pode ser chamada de "Management" também. Afinal, assim é a raiz da abreviação, de fato. Disco interessantíssimo...
Outras pinçadas, por que não?, em feridas abertas na semana.

Pauta de Hoje: MGMT, Perícia Criminal, Armando Nogueira (RIP), Curtas, Notas, Tracklist, Herb Ellis (RIP), Opinião e poucas provocações...


MGMT



O tão esperado "Congratulations" do MGMT vaza (há tempos) na net. Depois do majestoso disco de estréia do duo, "Oracular Spectacular", muito espera-se desse segundo trabalho. Os rapazes já haviam avisado que esse disco seria menos comercial do que o primogênito. E, isso é mesmo. Existem vários "hits" no primeiro. O álbum "Congratulations" é mais experimental, menos comercial e flerta com um som mais calmo e expoente. A lisergia continua, mas com mais maturidade. São nove canções intrigantes e interessantes. Alguém se lembra do mosaico que foi o disco "Road to Rouen" do Supergrass lançado em 2005? Pois então, o duo ousou pacas e obtiveram um disco rockeiro com experimentalismo. Simples. Mesmo a faixa "Siberian Breaks" (que alguns fãs reclamaram) é bacana. Sim, meus queridos, são três ou quatro tons diferentes, mas são a MESMA música. Quem nunca fez isso? Até a LegiãoUrbana fez. Basta escutar "Metal Contra as Nuvens". Destaco no disco: "Congratulations" (lentinha e harmoniosa), "It's Working" (rock simples e maravilhoso), "Song For Dan Treacy" (um cantor famoso da TV americana) e "Lady Dada's Nightmare" (direta e criativa). Hoje em dia, tempos com músicos chatos, previsíveis e boçais, viva MGMT. Vida Longa ao duo.


NOTAS


- O guitarrista Herb Ellis, um virtuoso do jazz que tocou junto com estrelas como Ella Fitztgerald, Louis Armstrong e Stan Getz e integrou o trio liderado pelo pianista Oscar Peterson, morreu aos 88 anos em Los Angeles, na última quarta-feira. (RIP)


- A banda inglesa The Cure vai lançar uma versão remasterizada, com músicas inéditas, do álbum "Disintegration", de 1989. A reedição terá três CDs e também vai incluir demos, takes alternativos e uma versão ao vivo do disco na íntegra. As informações são do semanário musical britânico "New Musical Express".


- Daqui a quatro anos o Brasil será capaz de lançar seu próprio foguete para colocar um satélite em órbita, informou ao "Site G1" a Agência Espacial Brasileira (AEB). O propulsor será uma versão repaginada do VLS (Veículo Lançador de Satélite), da mesma família do foguete que explodiu em Alcântara (MA) em 2003, matando 21 pessoas.


- Laetitia Sadier, vocalista da banda franco-britânica Stereolab, se apresenta com seu projeto solo em abril em São Paulo e Porto Alegre. Ela toca no dia 25 no Santander Cultural na capital Gaúcha e no dia 28 no SESC Vila Mariana, em SP.


- O cantor e compositor norte-americano Beck regravou o álbum "Kick", lançado pelo grupo australiano australiana INXS em 1987, com a ajuda das bandas Liars, St. Vincent e do guitarrista dos Mutantes, Sérgio Dias. A gravação aconteceu no dia 3 de março.


ARMANDO NOGUEIRA (RIP)


Faleceu na semana, o jornalista Armando Nogueira. Conhecido por todos como um "poeta" na crônica esportiva, alimentou também a ira de outros como responsável por toda aquele melindre da TV Globo em plena ditadura militar. Armando era chefe da redação na época. Vilão ou mocinho, Armando foi um craque nas palavras. Isso é simples. Um sujeito refinado, arrogante e acadêmico. Um astro. Afinal de contas, Nietzsche era genial, porém chato e nazista. Preconceituoso diria. Lou Reed é um monstro, porém uma "mala" sem alça. Mozart foi um gênio, contudo, boçal, irritante e melindroso. Ou seja: quem não tem defeito que atire a primeira pedra. Descanse em paz, Armando.


CURTAS


- O guitarrista Ronnie Wood, dos The Rolling Stones, apresentará um programa semanal em uma emissora de rádio britânica no qual atuará como DJ e interpretará, de maneira informal e ao vivo, algumas músicas saudosas para o ouvinte, anunciou nesta quarta (31) uma porta-voz da emissora.


- A morte do pai do cantor Buchecha foi tão fútil, que chega ser ridículo. Como um ser humano mata por "um cigarro" um outro ser humano? Não é possível... Algo fede aí...


- Com "Homem de ferro 2" prestes a estrear (o filme entra em cartaz nos cinemas brasileiros no dia 30 de abril), esquenta a divulgação de materiais e plataformas para promover o novo longa-metragem baseado no herói dos quadrinhos Marvel. Um pôster com a personagem Viúva Negra, vivida pela atriz Scarlett Johannson (de "Match point - Ponto final"), foi criado para promover o longa na feira WonderCon, que acontece em São Francisco, nos Estados Unidos.




Ai... Ai... Ai... "No comments"


**************

PERÍCIA CRIMINAL

Todo mundo já sabe de cor e salteado como funciona os elementos básicos de um crime. São três: Autor(es) + arma (ou forma) + motivo. Certo? Certo. Quem já jogou "Scotland Yard" ou "Detetive" sabe disso. Quem ainda é mais novo, assiste "Law & Order" ou "CSI". Ideias não faltam. Depois disso - o que importa é a ação dos peritos. Todas as evidências colhidas no local. E o corpo da vítima. Pronto. Parece simples, mas não é. Na verdade, é. O problema do brasileiro é meter-se onde não é chamado. Aí tudo torna-se difícil depois. Fato. Fim de papo... O resto é um jogo político entre advogados. O que importa não é ser culpado ou não. Importa se as evidências são consistentes ou não. Pronto. E, os dois problemas nesse famoso caso (da menina) foram: a contaminação da cena do crime e a falta de motivo. Mais simples que isso eu não imagino. O caso não foi nenhum xadrez não. Foi só "cena".


TRACKLIST

- It's Working (MGMT)
- Brian Eno (MGMT)
- Flash Delirium (MGMT)
- I Found A Whistle (MGMT)
- Moody (ESG)
- Dance (ESG)
- Tiny Sticks (ESG)
- Erase You (ESG)
- Shack Up (A Certain Ratio)
- Flight (A Certain Ratio)
- Life's a Scream (A Certain Ratio)
- No Love Lost (Joy Division)



You...

1 Comments:

At 4:03 PM, Blogger Rocha Barreto, uma família feliz! said...

adorei a capa do disco, totalmente psicodélica... à primeira vista pensei ser o gato da Alice no país das maravilhas... rs

A morte do pai do Buchecha foi tão bizarra quanto a do cara que levou um tiro pq nao quis fechar a janela do ônibus! O mundo fede!!

Beijos, Congratulations pelo seu aniver mais uma vez e nos vemos por aí!

 

Postar um comentário

<< Home